Atletas: em forma, mas sem saúde?  

Enquanto as palavras “em forma” e “saudável” são normalmente usadas como sinônimos no linguajar diário, os termos têm significados totalmente separados. A performance (estar em forma) descreve a habilidade em realizar uma tarefa dada e, saúde explica um estado pessoal de bem estar, onde sistemas fisiológicos trabalham em harmonia. Apesar de normalmente vermos atletas como em forma e saudáveis, normalmente eles não são. O termo global que colocamos os atletas não saudáveis é a síndrome do overtraining. Dois gatilhos podem contribuir principalmente para que esta ocorra: intensidade alta de treinamento e dieta moderna altamente processada e de alto índice glicêmico.

atletas em forma e sem saúde

Ambos os fatores provocam uma resposta do sistema nervoso simpático aumentando a produção corporal de espécies reativas de oxigênio, inflamação e desequilíbrio metabólico de substratos (carboidrato, proteína e gordura) em direção ao carboidrato e longe da oxidação de gordura, manifestando uma série de sintomas normalmente rotulados como síndrome de overtraining. No final, esses sintomas revelam um atleta não saudável.

atletas em forma e sem saúde 2

Lesões físicas, bioquímicas e mentais-emcionais não são esperadas como prejuízos de participação em esportes de endurance tradicionais, ainda assim a incidência nesses atletas é extremamente alta. Praticantes, treinadores e atletas devem estar cientes de anormalidades de saúde impeditivas durante o treinamento e considerem períodos de intensidade de treinamento reduzidos e recuperação, enquanto enfatizam uma dieta natural e não processada para melhorar a saúde e cultivar uma performance duradoura. Para uma performance ótima, atletas devem estar em forma e saudáveis.

Referência:

http://sportsmedicine-open.springeropen.com/articles/10.1186/s40798-016-0048-x

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>