Frutos do mar podem diminuir o risco de Alzheimer

Amantes dos frutos do mar prestem atenção a notícias de duas frontes: mercúrio encontrado no peixe não leva ao declínio mental e, para certas pessoas, uma dieta rica em peixes pode retardar o aparecimento do Alzheimer. Pesquisadores que examinaram cérebros humanos confirmaram que pessoas que comem mais frutos do mar têm mais mercúrio em seus cérebros. Mas, eles não encontraram relação entre os níveis altos cerebrais de neurotoxina e o tipo de dano cerebral que é típico do Alzheimer e da demência. Os pesquisadores também mostraram que comer doses moderadas de frutos do mar pode ter um efeito protetor para pessoas com um risco genético específico para o Alzheimer.

frutos-do-mar-podem-diminuir-risco-de-alzheimer-nutricionista-em-sao-paulo

O consumo de peixe, particularmente como parte de uma dieta saudável, como a dieta do Mediterrâneo, foi associado com uma queda ou um retardamento da progressão do Alzheimer. Atualmente ainda não está claro se a razão para o benefício do peixe é somente o teor de ômega-3, ou se os benefícios de dietas contendo peixes é mais complicado de se entender. Os pesquisadores também mostraram que ingerir peixes em uma ou mais refeições na semana está associado com menor dano cerebral no Alzheimer, mas somente em pessoas com um gene chamado de apoliproteína E (APOE). Pessoas que herdam esse alelo do gene da apolipoproteína têm um risco mais aumentado de desenvolver o Alzheimer.

Referência:
http://www.webmd.com/alzheimers/news/20160202/seafood-might-protect-brain-in-people-at-genetic-risk-for-alzheimers?ecd=wnl_alz_021816&ctr=wnl-alz-021816_nsl-promo-1_title&mb=voAu2w9N73u3p993LPWFqRXFE73IOX1c0OaTzBd4F8E%3d

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>