Como saber se você é resistente à insulina

A insulina é um hormônio que age como uma chave, ela destrava as células para que a glicose entre te forneça energia. Algumas vezes, esse esquema chave-fechadura não funciona e aí a glicose se acumula no sangue, mesmo quando você produz mais a insulina. As chances de se tornar resistente à insulina aumentam se for sobrepeso, sedentário, hipertenso ou tabagista. Alguns problemas no sistema circulatório também aumentam o risco, incluindo baixos níveis de HDL, altos níveis de triglicerídeos, doença cardíaca, derrame prévio e doenças dos vasos sanguíneos no pescoço ou pernas.

como saber se resistente a insulina

Pessoas com descendência afro-americana, hispânico/latino, americano nativo e asiático americano são mais propensos a ter resistência à insulina. Caso haja alguém na família com relação direta e diabetes tipo 2 o risco também é maior. Se sua mãe teve diabetes enquanto está grávida de você o teu risco também sobe. O teste para a resistência à insulina é complicado e desconfortável, por isso, o médico provavelmente irá pedir uma exame de sangue para verificar se há uma pré-diabetes (açúcar no sangue maior do que deveria).

É difícil para o pâncreas manter a produção extra de insulina para tentar colocar a glicose para dentro das células. Eventualmente, as células que produzem a insulina saturam, levando ao pré-diabetes e a diabetes tipo 2. Se a resistência á insulina é diagnosticada precocemente e você muda o seu estilo de vida, isso pode ser impedido de acontecer. Corte o consumo de doces, grãos refinados, gorduras animais e coma mais vegetais, frutas e grãos integrais. A atividade física também ajuda no combate à resistência a insulina, pois assim como a dieta ajuda a perder peso e, ajuda as células a usarem a insulina, especialmente nos músculos. Faça pelo menos 30min/dia de exercícios, na maioria dos dias da semana.

Referência:
http://www.webmd.com/diabetes/ss/slideshow-insulin-resistance?ecd=wnl_wlw_030616&ctr=wnl-wlw-030616_nsl-promo-3_title&mb=voAu2w9N73u3p993LPWFqRXFE73IOX1c0OaTzBd4F8E%3d

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>